top of page
  • Foto do escritorAdriana Mugnaini

Amidos Bankhardt vê na FIMAN oportunidade de fortalecer parceiras e conquistar novos mercados

A empresa está há 18 anos em atividade no distrito de Graciosa, município de Paranavaí-PR

 

Uma das empresas regionais que está expondo seus produtos na FIMAN 2023 é a Amidos Bankhardt. Há 18 anos em atividade no distrito de Graciosa (município de Paranavaí-PR), sua capacidade inicial de processamento era de 100 toneladas de mandioca por dia, número que vem aumentando ano a ano com a modernização de sua linha de produção.


“Nós participamos da primeira edição da FIMAN, em 2016, e este ano estamos aqui novamente. Nossa região concentra 70% das fecularias do país e a Feira é uma excelente oportunidade para nos inserirmos em novos mercados e mostrar a nossa produção para o Brasil e o mundo. É um momento em que podemos fortalecer as parcerias e nos aproximar de novos clientes”, avalia a representante da empresa, Márcia Bankhardt Benetton.


Atualmente, a Amidos Bankhardt possui uma infraestrutura de primeira linha, com maquinários modernos e atualizados. Possui laboratório próprio, pessoal treinado, e qualificado que garante o padrão do produto. A empresa se preocupa com o meio ambiente; assim, todo o descarte é reutilizado pela natureza. E a secagem da fécula também é realizada de forma sustentável; não utiliza queima de lenha, mas sim o sistema de secagem com biogás.

 

Jornalista: Keila Metz

Fotos: Frederico Junglaus

Coordenação: Básica Comunicações




28 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page